18.03.2016

Hora do Planeta 2016: todos juntos para criar um futuro melhor

Apague as luzes neste sábado e participe!

imagem-notícia-site-BB-2 (3)

 

2015 foi o ano mais quente da história, de acordo com a Organização Meteorológica Mundial (OMM), agência da ONU especializada no comportamento da atmosfera da Terra.

Diante desta realidade, é possível imaginar um mundo livre de emissões de carbono? Com mares e oceanos totalmente recuperados? Ou ainda sem a ameaça das mudanças climáticas?

Esse é o futuro apresentado no vídeo oficial da Hora do Planeta, “O Futuro Começa Agora”. E isso não precisa ser apenas um sonho. Muitas mudanças podem ocorrer no mundo se começarmos a agir agora.

Nossas ações hoje refletirão no amanhã. É por isso que neste sábado, 19 de março de 2016, a rede Bourbon Shopping participa da Hora do Planeta apagando as fachadas dos shoppings das 20h30 às 21h30, enquanto os lojistas serão convidados a diminuir as luzes internas e das vitrines e a desligar os luminosos.

Mas o que é a Hora do Planeta?

A Hora do Planeta (ou Earth Hour) é um ato simbólico organizado pela World Wildlife Fund (WWF) com o objetivo de alertar as pessoas sobre a importância de proteger o planeta contra os impactos ambientais negativos, como o aquecimento global, além de incentivar a comunidade global interconectada a compartilhar as oportunidades e os desafios da criação de um mundo sustentável.

Desde quando existe a Hora do Planeta?

O movimento começou em 2007, na Austrália. No Brasil, a primeira edição ocorreu em 2009. Esta será a oitava edição no país.

Em 2015, participaram 185 municípios e todas as capitais, incluindo o Distrito Federal. Juntos, os municípios brasileiros apagaram mais de 627 ícones (entre monumentos, espaços públicos e prédios históricos) e se juntaram a 7 mil cidades participantes em centenas de países.

Quando acontece a Hora do Planeta?

Todos os anos no mês de março, pessoas, empresas, comunidades e governo são convidados a apagar suas luzes pelo período de uma hora para mostrar seu apoio ao combate ao aquecimento global e celebrar um compromisso com o planeta.

Março foi o mês escolhido por coincidir com o equinócio de primavera, no Hemisfério Norte, e o de outono, no Hemisfério Sul. Isso permite que o impacto visual ao desligar as luzes seja maior, pois o fim do dia acontece em momentos próximos nos dois hemisférios.

Quem vai participar?

Neste ano, várias cidades já confirmaram sua participação, como Porto Alegre, onde serão apagadas as luzes do Monumento ao Laçador, do Monumento ao Expedicionário e da fonte luminosa do Parque Farroupilha durante a Hora do Planeta. Nem todas as luzes serão apagadas: as necessárias para a segurança, como semáforos e luzes de ruas e avenidas, serão mantidas.

Como eu posso participar?

Para participar, basta desligar as luzes de sua casa por uma hora. Use a hashtag #tamojunto ao fazer referência à Hora do Planeta nas suas redes sociais.

Aproveite para refletir sobre o seu compromisso com o planeta e sobre o que você pode fazer para demonstrar seu amor e preocupação através de ações concretas e eficientes.

Pequenas ações do dia a dia podem fazer uma grande diferença. Confira aqui algumas atitudes para continuar contribuindo para proteger o planeta.

Você também pode participar pelas redes sociais doando seus posts do Facebook e atualizando sua foto de perfil para a Hora do Planeta aqui.

Aproveite para escolher qual dos dois ícones que estão representando o Brasil na campanha da WWF na América Latina você considera uma causa ambiental mais importante: a onça-pintada ou a Floresta Amazônica.

#tamojunto para criar um futuro melhor para nós e para o planeta!